Janaina Bordignon

Certamente sou uma massa corporal em constante movimento. Me orgulho de todos meus erros e tolices que me trouxeram até aqui. Detesto minhas altas expectativas em relação ao mundo e seus derivados, aranhas e mondongo. Me considero sábia por ter aprendido que rir é de fato o melhor remédio e que nenhum indivíduo é totalmente compreendido em sua história de vida. Sonho com um mundo que regurgita empatia de suas cicatrizes e só respeito ativistas em minha esfera social. Sou professora. Sou gaúcha. Também sou irmã, filha, amiga, inimiga… Acima de tudo, sou mulher.

[Para os/as alienados/as que infelizmente não são capazes de inferir todo o eu que grita nessas entrelinhas, contentemo-nos com algum clichê, tal qual “definir-se é limitar-se”.]

2 Comentários (+adicionar seu?)

  1. Gabi
    mar 09, 2011 @ 23:51:21

    Me arrepiei. Tô com saudades, btw.

    PS I mean it

    Responder

  2. Bloco do eu me importo
    abr 17, 2011 @ 00:46:04

    Gente, vi o comentário agora. Hahah pouco atrasada? Saudades, btw 🙂 (and i mean it too)

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: