O retorno de Saturno

Por Giovanni Andersen Garcia

Sobre meu teto astral pesa a sombra do retorno de Saturno. E assim é como reza a lenda astrológica – minha vida não mais é o que era, estou de ponta cabeça. Tudo esta desordenado, tudo é caos, meu corpo rebela-se contra a minha lógica e razão. Vivo uma rebelião interna. Fujo de mim como que se pudesse esconder-me  de minha consciência, mas encontro-me, castigo-me, aplico-me penas, atiro-me ao cárcere, vivo a tão narrada bipolaridade. Grito: QUEM ÉS TU? Mas o que tenho é apenas um reflexo que me devolve a pergunta no ato: quem és tu?

Rasgam-me corpo, mente, vida. Deixa-me exposto, obriga-me. Diz quem eu sou, narra quem eu foi, ridiculariza-me, humilha-me, leva-me ao choro, exige auto-piedade.

Corpo exposto, vida exposta. REVOLTA! Declaro guerra, travo as batalhas! Um Quixote que é seu próprio moinho de vento, cavaleiro errante. Por onde andará minha Dulcineia? Onde eu estou? Perdido dentro de mim mesmo, corpo e mente disputando por autonomia. DILACERAÇÃO. ESQUIZOFRENIA.

Para onde vou? Se há uma resposta, esta guardada pelos astros – e a mim não interessa saber. O que quero é o que tenho: inconstância.

Meu corpo é um astro que busca orbitas errantes a fim de entrar em rota de colisão. Colidindo corpos, encontrando astros. VIVER VIVO! A fusão transcendental – corpo, mente, sexo, gozo.

Se antes tinha medo de saturno pairando em meu mapa astral, agora o saúdo! Saúdo a liberdade, o sol, que podem entrar em minha carne depois que saturno destruiu tudo.

Tenho agora um CORPO LIVRE!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: